Meu último natal de "namorada"


Dia 24, eu toda animada, pensando no meu último natal solteira, ajudando na cozinha as minhas trocentas tias a preparar a ceia. Nem imaginava o que viria pela frente. Um natal chato! Tava também naquela expectativa do que Patrick (meu amor) ia trazer de presente. Nessas horas volto a ser a criança de uns tempos atrás. Ligo pra ele toda hora pedindo uma pista e ele não facilita. Mas no final das contas o saldo maior foi mesmo o presente que o meu amor me deu (ele trouxe pra mim o livro "A Louca da Casa" que falei no primeiro post) e dormir abraçadinha com ele.

Adoro natal. Não sei explicar muito; parece que tem um cheiro diferente, o tempo fica mais ameno, fico mais emotiva, mas de um jeito bom. Esse ano queria mesmo era aproveitar minha família. Só que não fiz muito isso. A casa encheu de gente, gente que nem curto muito. Depois tem essa história de ceia meia noite que não me acostumo. Eu sei, são 25 anos assim, mas nunca vou me acostumar a comer comida fria, nem que seja na noite de natal.

No dia 25, fiquei mal, doente mesmo ( tenho certeza que foi a comida fria e a maionese). E ainda hoje tô meio assim, mal.

Ah, na semana do natal aproveitei para ir comprar umas coisinhas pra minha futura casa. Adoro isso. Fico maluca na frante das pratileiras, vendo panelas, copos, refratários, talheres, lençóis de cama e os conjuntos de jantar. Ai, os conjuntos de jantar... esses são os que mais me atraem. Fico horas paquerando eles, querendo todos, tendo várias fantasias com eles, ai,ai... Contudo a grana era pouca, muito pouca. Acabei comprando alguns copos e jarras. Engraçado que escolho, escolho e sempre compro coisas nas quais se bebe. Tenho taças para vinho, copos para chopp, xícaras, copos para água, jarras. Será que essa pessoa aqui tem sede???

E a sede é algo que me persegue. Sede de tudo. De amar, de comer, de beber, de dançar, de sexo, de conversar, de ler, de viver!!! Às vezes me engasgo. Tenho que tossir, vomitar. Ainda bem que tenho do meu lado alguém que me diz " calma, bebe devagar. Se acabar, esse a gente busca mais".

Depois desse natal meio frustrado estou esperando pelo novo ano. Tô com uma sensação um tanto conflituosa. Ao mesmo tempo que sinto aquele desejo de que tudo seja bom, aquela fé de que tudo vai dá certo, que vai ser um ano bom, feliz (putz, caraaaa, vo ter minha casa!!), tô sentindo que vai ser um ano de batalhas a vencer(eu espero), de coisas a conquistar, de aprendizado,de crescimento. Sei que não vai ser fácil. Eu sei! Mas quero tanto isso, que nem posso pensar em desistir. Não dá!

Vamo acreditar né gente!! Me desejem sucesso! É o que desejo a todos sempre. Sucesso, paz, saúde, amor, alegria, fé, equilíbrio e diversão minha gente, que sem diversão é roça!!

Feliz 2009!!!!!


Bejoca!!!

9 comentários:

Luca disse...
28 de dezembro de 2008 14:19

Ai, amiga! Q lindo...acho q estamos na mesma sintonia de esperar que o ano de 2009 seja O ano...Estava avaliando tudo o q aconteceu em 2008 e acredito q ele tenha sido um ano de transição, o ano de traçar sonhos, q poderão se concretizar em 2009. Já estou imaginando as nossas celebrações em todos esses copos a todas as aventuras e conquistas...

Ah, e deixa um pouquinho dessa tua energia toda de dona-de-casa, para ajudar na minha futura, viu?! Hahsuahusah

Beijos, amiga! E 2009 MARA pra nós!

Tin tin!

Anne Glauce Freire disse...
28 de dezembro de 2008 16:22

sede é tudo! mas adriana, a calcanhoto, disse que gosta dos que tem fome, dos que morrem de vontade, dos que ardem! é tempo de beber, come, saciar corpo e alma! toda felicidade do mundo, menina, vc merece!

Gisele Amaral disse...
28 de dezembro de 2008 18:28

Beehsa! Tu merece todo esse devaneio e a concretização dele! Vai dar tudo certo, tenha paciência, aliás, às favas com a paciência, sonhe bastante: é tão bom! Que 2009 seja cheio de coisas maravilhosas, a começar por um "chá de casa nova" pra ti, que vai ter casa nova! Marca que a macacada aparece com os presentes!
Beijos.
Saudade.
=*

Dani M. disse...
28 de dezembro de 2008 18:47

Arrasou Gisa!! Vo fazer uma listinha!!hahaha
Bjo

Du disse...
29 de dezembro de 2008 03:41

Oi Dani!
Adorei a tua visita, seja sempre bem-vinda no meu blog!
Sabe, eu também nunca me acostumei com a ceia a meia-noite e odeio comida fria!

Gostei daqui, vou levar o teu link lá pra casa pra não esquecer de voltar!

Desejo muito sucesso pra ti,muita saúde, muito amor e principalmente muita paz no coração.O resto a gente corre atrás, como diria o Pedro Bial! rsrsrsrsrs

Beijos, té mais!

camila chaves disse...
29 de dezembro de 2008 08:58

ah... natal mexe mesmo com os sentimentos da gente. assim como tu, devo confessar que também não me agrada muito ter que comer comida fria, com passa e só meia noite se às 21h já está todo mundo azul de fome! hahahaha.

esse natal para mim também não foi muito assim muito feliz. algumas perdas. mas no final das contas foi bom. família reunida e nada de esperar dar meia noite para encher a pança! uma belezinha.

quanto ao ano que vem chegando... que vibrações positivas o recebam. assim como pra ti será um ano de coisas realmente novas, para mim também o será. em pensar que deixarei de ser estudante. chega dá um nervozinho.

ah, quer saber? acho que continuarei sendo estudante só pra não perder a prática do que fiz durante toda minha vida. rs. e pra ti, desejo um ano novo de muitas felicidades, realizações e de conjuntos de jantar dos mais diversos! hahaha. beijo, dani.

Du disse...
31 de dezembro de 2008 02:25

Oi Dani!!!
Tô inaugurando aqui minha fotinho nova do perfil, com a minha cara mesmo! rsrsrsrsrs
Muito obrigada por suas palavras lá no blog, acho que temos aqui o início de uma amizade! \o/

Beijão, querida!
Tudo de bom pra você, hoje e sempre!

elenmateus disse...
31 de dezembro de 2008 13:52

menina, futura esposa mermo? me convida, convida, convida... amiga vai devagar na bebida rapá!
bjo to com saudades também :)

Sergio Brandão disse...
13 de janeiro de 2009 11:46

Natal é mesmo uma festa muito boa!!! Eu começo por comer as rabanadas, um pouco depois que elas saem da panela... Prefiro assim; nesta temperatura! Depois que entram na geladeira, não como mais... E as que Tia Vanda faz são imbatíveis!!! Bjs.
Uhumm, me deu até fome agora... rs

Volver al inicio Volver arriba A Louca da Casa. Theme ligneous by pure-essence.net. Bloggerized by Chica Blogger.