Quero ser uma mulher de vida fácil!

Se alguém me perguntar o que eu quero ser quando crescer tenho a resposta na ponta da língua: quero ser uma mulher de vida fácil. A vida fácil a que me refiro é a de poder ter o que preciso e não necessitar sacrificar tantas coisas, como sempre tivemos que fazer lá em casa.

Quero ter um emprego que me dê prazer e onde as coisas aconteçam tranquilamente, sem stresse, e que me pague muito bem. Mas muito bem mesmo. Uma grana que dê para eu dar um pulinho em Nova York ou em Paris ou em Florença ou em Santorini ou em qualquer outro lugar lindo na hora que der vontade. Que me dê a chance de dar aquele presente que eu gostaria tanto de dar mas não posso. Que me permita ir jantar naquele restaurante que fico só vendo da janela do ônibus. E outras cositas mais...
Quero ter a liberdade de ir e vir sem depender de ônibus, sem enfrentar trânsito caótico, sem estar preocupada com o horário, sem ter medo de ser assaltada na primeira esquina ou coisa pior.
Quero poder dormir até não ter mais vontade de ficar dormindo e sair para curtir o mundo.

Quero ir a praia sempre que o sol estiver lindo, brilhando e ficar dentro do mar ouvindo o "chiado" do cabelo na água.

Quero ter uma casa confortável, nem muito grande, nem pequenina. Com conforto, claridade, boa ventilação. Um lugar onde possa receber os amigos e as famílias. Onde possa hospedar os amigos que venham de longe e os de perto também. Onde eu possa escutar o silêncio. Onde eu possa amar muito e ter meus filhos.

Quero ter lá ( nessa minha casa) alguém honesto para me ajudar a manter tudo limpo, cheiroso, organizado.
Quero sair à noite, dançar, beber, fumar um cigarro ou dois, rir das histórias dos amigos, rir das minhas próprias histórias. E depois voltar para casa, tomar um banho quente e dormir abraçadinha com meu mozito.
Quero paz. Quero tranquilidade. Quero amor. Quero Felicidade.

Tudo isso faria de mim uma mulher de vida fácil.

Deixa só eu crescer para você ver...

Bejoca!!!!


11 comentários:

Du disse...
25 de março de 2009 12:28

Ah, eu também querooooooooooo! \o/

Amigao disse...
25 de março de 2009 13:41

Ouvi dizer que a vida de muita gente é assim, deste jeitinho que você falou.
Eu quero ser um homem de vida fácil também. No meu caso tanto faz o sentido...hehehehe, desde que seja fácil, né não?

Gisele Amaral disse...
25 de março de 2009 17:41

Ai, Dani, que delícia! Lembrei até daquela música da Elis... "eu quero uma casa no campo onde eu possa escutar muitos rocks rurais/ e tenha somente a certeza dos amigos do peito e nada mais..."

O mesmo clima, a mesdma emoção. Nós merecemos essa vida, beesha.

Um beijo.
=*

Luca disse...
25 de março de 2009 23:51

Sua pirigueta!!

Sei, sei...

Ahaaha

Dani M. disse...
26 de março de 2009 04:13

ô minha gente, merecemos mesmo uma vida fácil!!!!
Assim desse jeitinho!
Ainda não descobri como faço isso.
Ai Amigão fala com o pessoal que vc conhece assim e pergunta pra eles como faz?
Gi, talvez o caminho seja esse, vo virar cantora, compositora e intérprete. Que tal???
Luaninha depois te mostro quem é pirigueta, tá? sua safada!
Bjocas a todos!

Marciene Botelho disse...
26 de março de 2009 04:43

Amiga, quando você crescer quer ser uma mulher de vida fácil...e eu quero ser que nem você quando eu crescer...
haushausuahsasuhauhsuah
Bjokas de Loira do Posto!!!!!

Su disse...
26 de março de 2009 11:45

Ain, eu tbm quero tudo isso!!!
Quando eu crescer eu vou ter tudo isso!!! hahahaha

Beijos, Dani

Anônimo disse...
26 de março de 2009 12:14

Dani... também queria tanto!!! Pq as coisas tem que ser tão difíceis, né? hehehehehe Mas a gente chega lá! A Sandy não tem essas preocupações, né? hehehe
:******

Luana Martins

Dona Reis disse...
26 de março de 2009 12:23

Amiga,
quem não quer uma vida assim?
se bem que...algumas coisas conquistadas com algumas reservas também têm seu mérito. Acho que se tivessemos mesmo uma vida assim, pensariamos o contrário...pelo menos um pouquinho! (rsrs)
bjs,linda!

Nina disse...
30 de março de 2009 01:30

Ahhhhh
essa vida fácil eu tbm queria ter :)

Estava Perdida no Mar disse...
29 de novembro de 2009 05:30

É flor...como diria o sambão...Sonhar não custa nada.

Volver al inicio Volver arriba A Louca da Casa. Theme ligneous by pure-essence.net. Bloggerized by Chica Blogger.